Coordenador Municipal de Proteção Civil

Data
21 de maio de 2021 (DATA PREVISTA)
Duração
6 meses.

Nos meses de julho, agosto e setembro as aulas são interrompidas.

Horário
Horário pós-laboral ou laboral consoante interesse preferencial dos estudantes.
4 horas às sextas-feiras e 5 horas ao sábado.
Créditos
-
Vagas
-
Matrículas
até 17 de maio de 2021

O Curso de Formação Profissional em Coordenador Municipal de Proteção Civil (CMPC) segue o previsto na Portaria n.º 354/2019, de 7 de outubro, em matéria de formação obrigatória para atuais e futuros Coordenadores: período de formação 223 horas divididas em 6 módulos.
O curso corresponde a uma proposta formativa que privilegia áreas fundamentais da atividade da proteção civil municipal, com destaque para a gestão e coordenação no âmbito municipal e local, as ações de planeamento e prevenção e o apoio à gestão de emergências de proteção civil.
A equipa docente é constituída por profissionais com conhecimento e experiência profissional demonstrada, em especial ao nível da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) e de Serviços Municipais de Proteção Civil (SMPC), entre outras, que garantem uma formação orientada para o saber fazer e a liderança de processos e tomada de decisões em contextos complexos.
Modelo de funcionamento: B-learning

Objetivos
  • O curso foi desenvolvido como objetivo específico de dar cumprimento ao exigido pela Portaria n.º 354/2019, de 7 de outubro, em matéria de formação obrigatória para os atuais e futuros Coordenadores Municipais de Proteção Civil, servindo ainda aos Técnicos Municipais de Proteção Civil e das Unidades Locais de Proteção Civil e outros agentes.
  • O foco é na formação técnica e científica aplicada e no treino com vista à integração rápida de competências em contexto de trabalho e a uniformização de comportamentos organizacionais e de planeamento ao nível dos SMPC.
A quem se destina
  • Indivíduos designados para o exercício de funções de Coordenador Municipal de Proteção civil nos termos do n.º 4 do artigo 14.º-A da Lei n.º 65/2007, de 12 de novembro, na republicação do Decreto-Lei n.º 44/2019, de 1 de abril, bem como:
  • Trabalhadores integrados nos SMPC;
  • Elementos nomeados para o exercício de funções nos SMPC;
  • Outros trabalhadores das autarquias locais não integrados nos respetivos SMPC, com funções relacionadas com a segurança coletiva.
  • E ainda:
  • Elementos nomeados para a coordenação e/ou assessoria técnica das ULPC;
  • Técnicos e Oficiais dos APC;
  • Autarcas e demais decisores políticos com responsabilidades no âmbito da Proteção Civil;
  • Demais interessados em adquirir competências específicas nos domínios cobertos pelo curso, titulares de grau académico superior, estudantes de ensino superior em fase final dos seus cursos ou indivíduos com currículo de especial relevância no contexto das matérias abrangidas, titulares de habilitação académica superior ou não.
  • Competências
  • Indivíduos designados para o exercício de funções de Coordenador Municipal de Proteção civil nos termos do n.º 4 do artigo 14.º-A da Lei n.º 65/2007, de 12 de novembro, na republicação do Decreto-Lei n.º 44/2019, de 1 de abril, bem como:
  • Trabalhadores integrados nos SMPC;
  • Elementos nomeados para o exercício de funções nos SMPC;
  • Outros trabalhadores das autarquias locais não integrados nos respetivos SMPC, com funções relacionadas com a segurança coletiva.
  • E ainda:
  • Elementos nomeados para a coordenação e/ou assessoria técnica das ULPC;
  • Técnicos e Oficiais dos APC;
  • Autarcas e demais decisores políticos com responsabilidades no âmbito da Proteção Civil;
  • Demais interessados em adquirir competências específicas nos domínios cobertos pelo curso, titulares de grau académico superior, estudantes de ensino superior em fase final dos seus cursos ou indivíduos com currículo de especial relevância no contexto das matérias abrangidas, titulares de habilitação académica superior ou não.

Funcionamento

Modelo de funcionamento: B-learning

Avaliação sumativa destinada a realizar um balanço das aprendizagens e competências de cada formando no final de cada módulo de formação.
Os instrumentos de avaliação, de cariz mais teórico ou teórico-prático e incluindo uma prova final escrita individual, serão adaptados a cada módulo de formação.

Docentes
  • Joaquim Leitão
  • José Fernando Alves
  • André Rodrigues
  • Eutíquio Costa
  • João Pardal
  • Júlio Melo
  • António Vieira

Horas de Formação
223 h
Carga Semanal
9 h
Horário
Horário pós-laboral ou laboral consoante interesse preferencial dos estudantes.
4 horas às sextas-feiras e 5 horas ao sábado.

Investimento

Taxa de Candidatura
30 €
Taxa de Matricula
220 €
Prestações da Propina
Propina: 250€x6 meses
Associados da FÉNIX - ANBAPC / SPEPH desconto 5% da propina

Propina

1500 €

Plano Curricular Candidaturas

No ato da inscrição, os candidatos têm que efetuar o pagamento de 30€ de candidatura e 220€ de taxa de matrícula e enviar o respetivo comprovativo da transferência juntamente com a restante documentação.